sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Ilusões do amanhã

" Porque eu vivo procurando um motivo pra viver,
Se a vida as vezes parece de mim esquecer?
Procuro em todas, mas todas não são você.
Eu quero apenas viver, se não for pra mim
Que seja pra você...
Mas as vezes você parece me ignorar,
Sem nem ao menos me olhar,
Me machucando pra valer.
Atrás dos meus sonhos eu vou correr.
Eu vou me achar, pra mais tarde em você me perder.
Se a vida dá presente pra cada um, o meu, cadê?
Será que esse mundo tem jeito?
Esse mundo cheio de preconceito.
Quando estou só, preso em minha solidão,
Juntando pedaços de mim que caíram no chão,
Juro que as vezes, nem ao menos sei quem sou.
Talvez eu seja um tolo que acredita num sonho.
Na procura de te esquecer, eu fiz brotar a flor.
Pra carregar junto ao peito e crer que esse mundo
Ainda tem jeito.
E como um príncipe sonhador sou um tolo,
Que acredita, ainda, no amor."


Este é Alexandre Lemos, aluno da APAE. É o autor desta poesia. 
Ele tem síndrome de Down e com 28 anos, sua idade
mental é de apenas 15.
Sua excepcionalidade é quanto à sua sensibilidade,
e por conta disso é chamado carinhosamente de
Príncipe poeta.


Um lindo final de semana pra você!
Bjos, :*)  :*)  :*)








9 comentários:

Regina disse...

Bom dia amiga!

Obrigada por me apresentar a esse pequeno Príncipe Poeta. Que linda e emocionante poesia.

Como nós seres humanos somos pequenos, quando julgamos alguém simplesmente por ser "diferente" de nós.

✿ chica disse...

Linda poesia desse príncipe poeta... Muito legal! beijos,ótimo dia,chica

Tina disse...

Lindo post!
Lindo o apelido, ele deve amar.

Já que o assunto é poesia...

“Se o poeta falar num gato, numa flor,
num vento que anda por descampados e desvios
e nunca chegou à cidade
se falar numa esquina mal e mal iluminada
numa antiga sacada
num jogo de dominó
Se não falar em nada
disser simplesmente tralalá
Que importa?
Todos os poemas são de amor.”

Mário Quintana

jeito simples disse...

Esta maravilha chegou até a mim por um e-mail. Fiquei tão encantada com a sensibilidade e percepção da alma que este "Príncipe" tem, que resolvi transforma-lo numa postagem.
Que ser mais iluminado...

Margarida disse...

Adoro estas surpresas da vida! Adoro pessoas surpreendentes... um pequeno grupo que vira tudo do avesso.

Zi disse...

Olá querida! lindo texto do menino poeta... bjs

Cris e Nai disse...

Quanta sensibilidade, quanta verdade,obrigada por nos apresentar este lindo príncipe poeta.Cris!!!

Luana Santiago disse...

Titia,

Simplesmente AMEIIIIIIII essa poesia vinda do fundo do coração!

Muito linda e verdadeira!

Mil beijinhos!

Anna Rachel disse...

Não é puro q ele é chamado de Príncipe!
Muita sensibilidade em palavras lindíssima.
Q Deus o ilumine e guie SEMPRE para q muitas poesias possam aflorar e encantar. ;D
Obrigadíssima por nos apresentá-lo.
Bjs 1000.