terça-feira, 19 de julho de 2011

Viagem

Desde que me entendo por gente, a música permeia minha vida. Quando eu tinha 8 anos, meu irmão Miguel, com 16, fazia parte de uma banda de Rock e os ensaios aconteciam todos os sábados e domingos no quarto dos fundos de nossa casa. Não havia nenhuma possibilidade de eu ficar alheia à aquele acontecimento. Cresci ouvindo música de todo tipo desde rock, pop até a clássica, que meu outro irmão Zé, fazia questão de executar na antiga vitrola de agulha de diamante. Ouvíamos principalmente Beethoven, Mozart, e Bach . Eu ficava fascinada com a pronúncia do nome dele...Johann Sebastian Bach!!! O tempo passou, e as músicas ficaram.  Elas fazem parte de mim. Meus momentos todos ( bons ou ruins) estão associados a elas. É visceral. Quando ouço uma música que toca na minha alma, a pele fica erriçada e sinto um frisson, como se tomada por um estado de prazer que não sei qualificar. Só sei que é bom. Bom demais da conta. Hoje tenho também o privilégio de ser casada com Malvino, que é cantor, o que só faz ampliar meu universo musical. Pensei então em postar aqui, uma vez por semana, uma música que me toca. Não sei se vou encontrar todas em vídeos, mas espero conseguir o bastante para pelo menos uma temporada. Todas que por aqui passarem, serão como pedacinhos de mim e que juntas formam um verdadeiro caleidoscópio de emoções. Venha comigo nesta viagem sonora e deixe a canção te levar. Quem sabe assim, descobrimos mais coisas em comum!




Amo a voz cristalina da Adriana, aliás não só a voz, ela me encanta por inteiro.  Doçura e irreverência nas suas 100 trilhões de células!

Bjos, :*)  :*)  :*)

9 comentários:

✿ chica disse...

Passando pra agradecer o carinho e deixar um beijo!chica

Angela Bergamaschi disse...

bom dia amiga...adoro essa musica,adoro musica..bjos

LUIZ MALVINO disse...

Ela transformou a música para melhor !!!!
Muito bom, mesmo...

Bjs.,

Marido

Anônimo disse...

Ótima ideia a sua de colocar músicas por aqui e quem sai ganhando somos nós...
Bjs.
Myrian

Anônimo disse...

Curiosidade!
Adriana é filha de Morgada Assumpção Cunha, minha porfessora faculdade de Educação Física nas disciplinas de Ritmica e dança. Depois ingressei no corpo de danças da UFRGS, onde Ela era coreógrafa. Nestas conheci a Adriana, bem pequena talvez 4 aninhos....
Morgada é de uma sensibilidade e amabilidade impar.
Quanto a musica, adoro-a, e canto sempre com minha filha Eduarda (9anos)..
E a idéia de colocares musica aqui
vem dar mais um toque de beleza e harmonia como é todo este blog...
Bira Brites

Anônimo disse...

Curiosidade!
Adriana é filha de Morgada Assumpção Cunha, minha porfessora faculdade de Educação Física nas disciplinas de Ritmica e dança. Depois ingressei no corpo de danças da UFRGS, onde Ela era coreógrafa. Nestas conheci a Adriana, bem pequena talvez 4 aninhos....
Morgada é de uma sensibilidade e amabilidade impar.
Quanto a musica, adoro-a, e canto sempre com minha filha Eduarda (9anos)..
E a idéia de colocares musica aqui
vem dar mais um toque de beleza e harmonia como é todo este blog...
Bira Brites

Cores do Caminho (Alice) disse...

Oi Norma, simplismente amooo essa musica, doce e encantadora.
Bjs

Mariacininha disse...

Ah Meu Deus, agora este espaço real também tem música! Adorei a ideia, e você já começa com uma das minhas preferidas.
Beijos, e obrigado pela música.

Daniele disse...

Ah, menina!
Eu conto, mas sou metóóódicaaaa....rs...quero ter certeza mais do que absoluta para não falar besteira...rs
Eu quero pitaco sim. Adoro!
Se tiver alguma ideia pode mandar.

Quanto à música, não chega a ser tão visceral em mim. Mas minha memória musical me remete a tudo que aconteceu na minha vida. Tal como você, cada música me transporta a uma época ou situação da minha vida.
Posso chorar de soluçar ou morrer de rir ao ouvir uma música.
E também amo de paixão a Adriana Calcanhoto. Faz parte da minha história também.
Beijinhos em seu coração sensível.

Adorei as coincidências!